sexta-feira, 7 de junho de 2013

Vicissitude


Tome algo para sua calma
Aquela água
Num copo esquecido ali
Recomponha a observância
Deixe o tempo esvair
Depois não diga nada
Nada!
Sem rimas
Ênfase ou poema
A noite é apenas a noite
E a chuva, que se não parar,
Alagará a rua com águas
                        [Ansiolticas.
Beba aquela água
E deixe o mundo na gaveta,
Retire o seu pulso.

Recomponha o seu folego
E vá dormi

Duperron Carvalho

Nenhum comentário: